Leia agora a opinião de Jamille Scopel sobre a performance de Lula no cenário Mundial.


A revista inglesa Monocle elegeu o Lula como o presidente com a melhor performance entre os 15 principais lideres do mundo. Da lista o único com nota “A” foi o nosso presidente. O pior da lista foi Silvio Berlusconi, da Itália, com um “D”.

Tento entender como escolheram os 15 e como foi à avaliação. Okay, o Brasil cresceu e se manteve, razoavelmente bem, durante a crise mundial. Mas, convenhamos, o presidente deu continuidade a um trabalho desenvolvido pelo ex, Fernando Henrique Cardoso.

Inclusive, é sabido que os planos econômicos realizados no início do governo foram transmitidos pela equipe do Fernando Henrique para a do Lula. E se não foi esse o mérito que o levou a conquistar o título e sim os benefícios sociais criados por ele?

A gente pode falar sobre isso também! Não sou contra as bolsas criadas pelo governo Lula e nem as aperfeiçoadas por ele, mas tudo tem limite. Premiar um governo que cria um bolsa-telefone é demais. É preciso educar e dar oportunidades de trabalho as pessoas, muitas medidas precisam ser realizadas junto das bolsas oferecidas pelo governo. Elas sozinhas não podem mudar muito a cara de um país. O que eu vejo no futuro se isso não for mudado é violência, fome e desemprego.

Acho louvável a atitude do governo de ajudar a classe baixa. Mas, a hora que a família perder o benefício e as crianças, que já serão jovens, mesmo com o estudo, não tiverem chances de conseguir um emprego o que irá acontecer?

Pode ser que estejamos no caminho certo, entretanto estamos muito longe da perfeição. Vida da classe média é uma ladeira íngreme a ser percorrida e a da alta um passeio. O que vejo acontecer é a classe baixa se transforma em média, e isso é ótimo.

Mas, se a baixa se torna média e a alta se mantiver o que irá significará ser classe média no futuro? Existirão somente duas classes? Porque não vejo medidas que beneficiem o meio do caminho.

Para o governo ou se está aqui em baixo ou se está lá em cima e não é isso que deve acontecer. Se o propósito é criar igualdade para todos os cidadãos, então que se criem verdadeiramente oportunidades iguais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.